Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Agudos

Os fatos foram se sucedendo
E as maldições foram se cumprindo,
Uma a uma.
A noite berra enquanto meu coração se cala
Para a morte sempre há muitas desculpas
E para a vida muitas mentiras
Que será da vida
Quando ela perece?
Os sonhos foram se esmiuçando
E o vento apenas chorava
Eu olhava o vazio
E me confundia com ele
Quem serei se não for eu?
Seu sangue escorre em minhas veias
E minhas veias se retesam
Só com a menção de seu nome
Calibres não matam idéias
Mas o tempo as tortura até a morte.
Morte...
Será um vazio tão intenso quanto eu?
Ou será um inferno tão doentio como minha vida?
Os fatos foram se sucedendo
E as repostas foram fugindo...
Uma
A
Uma.
Elas todas.
Lady Loen
Enviado por Lady Loen em 24/08/2007
Código do texto: T622002
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lady Loen
Taubaté - São Paulo - Brasil, 41 anos
109 textos (18643 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:32)
Lady Loen