Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TORMENTA

 

Quando chega no nordeste

O tempo das trovoadas

E as nuvens fogem

Sem trazer as chuvas esperadas

 

Levanta as mãos aos céus

O homem sofrido e forte

Eleva sua voz a Deus

Em prece fala da sorte

 

Dialoga de Filho para Pai

E suplicando com emoção

Fala da sua vida

Numa sincera oração

 

Fala da terra destocada

Com as suas próprias mãos

Toda limpa e encoivarada

Pela mulher e os filhos sãos

 

Pede que tenha piedade

Das crianças e animais

Que envie logo a chuva

Pois esta tarda demais

 

Quando esta chega calma

É motivo de muita paz

Para todos é alegria

E muita bênção traz

 

Mas se chega em tempestade

O homem já lamenta

Pequei, meu Deus, é castigo

Nos livre da Tormenta.


Com som em:
http://www.marineusantana.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=623077

marineusa
Enviado por marineusa em 25/08/2007
Reeditado em 25/08/2007
Código do texto: T623077

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (marineusantana@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marineusa
Brejo Santo - Ceará - Brasil, 72 anos
1726 textos (325781 leituras)
39 áudios (29664 audições)
18 e-livros (9106 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 15:52)
marineusa