Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha sina

Me apaixonei. Triste sina a minha.
Agora os dias passam pesarosos,
À espera de teu retorno.
As músicas ditam nosso amor,
Enquanto aflita, tento ter algo de você em mim.

Nada resta do que houve.
E nada aconteceu para haver lembranças.
Mensagens, fotos e poemas deletados.
Suspiros, gemidos e declarações, esquecidos.

Você segue sua vida.
Eu o observo de longe, através da minha janela.
Teus risos eu não ouço. Nem vejo tuas lágrimas.
Nada me chega de você. Nada tenho.

E o medo de perdê-lo me espreita,
Me açoita a alma, faz meu corpo tremer.
Porque a verdade. A triste verdade.
É que você nunca foi meu.

Me apaixonei sim.
E sofro com isso, sofro enquanto desejo-o secretamente.
E sonho com o dia em que voltará a me amar. Triste sina.
Mas, tristeza maior é saber que não voltará...

Alessandra Vasconcelos
Enviado por Alessandra Vasconcelos em 25/08/2007
Reeditado em 23/07/2008
Código do texto: T623255
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alessandra Vasconcelos
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 37 anos
31 textos (1672 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 22:48)
Alessandra Vasconcelos