Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FERIDAS DE AMOR...

 

Quando todos os sons das minhas palavras

não rompem o silêncio que circunda a ti,

nem excitam teus sentidos,

para que queiras voltar a me sentir,

o quê posso ainda fazer?

Recolho-me insatisfeito,

com uma dor aguda no peito,

que não cessa de doer...

Penso que minha insistência

possa mais te ferir...

Na verdade me perco,

nada penso,

quando todos os meus argumentos

só lhe trazem mais sofrimento,

já não sei o quê fazer!

Recolho-me em mim em buscas de forças,

penso que só o tempo

refaça o amor por mim em você!

Mas que tempo é este para esperar...

Se sei que feridas de amor doem e sangram,

podendo ser impossíveis de curar!


Edvaldo Rosa

WWW.SACPAIXAO.NET

13/08/2007

Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 26/08/2007
Código do texto: T625045
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
1740 textos (177292 leituras)
23 áudios (10678 audições)
35 e-livros (9293 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 15:42)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor