Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eremita

Eremita

Caminho entre veredas escuras
onde a luz da lua não penetra
e as estrelas não são vistas.
Guio-me pela memória da dor,
das cicatrizes latejantes e do sangue vertido.
Apoio-me no velho cajado,
silencioso e fiel companheiro,
única testemunha dos meus vacilantes passos.
Já quebrei espelhos
e esqueci minha imagem.
Guardo todas as respostas
sem jamais proferi-las.
Protejo os segredos e revelações
de curiosos incautos.
Assumo de corpo e alma meu avatar
sem ter receio de sortilégios ou maldições.
Ignoro setas e avisos,
escondo-me na minha improvável caverna
meu mais que perfeito microcosmo
onde eu me basto
e nada mais pode me ferir.
Não mais, nunca mais ...

Leonardo Andrade
Leonardo Andrade
Enviado por Leonardo Andrade em 27/08/2007
Código do texto: T626081

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Andrade
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1525 textos (65169 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 05:41)
Leonardo Andrade