Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A montanha e o vale

Mansamente descobre-se o ser,
ainda que sem o olhar
A alma envolta pelas manhãs do pensamento
viaja ao lar do vento que não quer chegar

No passeio por essa vida
creio que a distância seja prova,
um teste da crença no caminhar,
pois na presença o cuidado é fato,
mas é na ausência que me faz cantar
Pedir em versos que a dor esteja ausente
e que teu sorriso possa sempre me encontrar
E quando a tristeza te procurar,
e é certo que ela sempre vem,
deixe que a atenda a paciência,
enquanto te entregas ao doce alento
da existência
Ferreira de Carvalho
Enviado por Ferreira de Carvalho em 28/08/2007
Código do texto: T627654

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ferreira de Carvalho
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 46 anos
52 textos (3827 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 05:06)
Ferreira de Carvalho