Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cisco no olho


 Caiu-me um cisco no olho,
  Assim que me levantei.
   Por causa deste trambolho,
    Por pouco não me lasquei.

 Já de manhã a empregada
  Cismou que pisquei pra ela.
   -Tô fora desta parada,
    Não vem que atiro a panela!

 Ao tomar o elevador,
  Junto a esposa do Walfrido,
   Pisco de novo: -Ei, senhor,
    Vou contar pro meu marido!

 No trabalho, displicente,
  Nova piscada - essa não!
   Ela é filha do Gerente,
    Já estou vendo a demissão!

 Confesso que me irritei
  Com o zelador, na cozinha.
   Ao piscar, disse-me: - Oquei,
    Na sua casa ou na minha?

 Foi mesmo no calçadão
  Que fiquei mais intranquilo.
   Ao piscar, disse o negrão:
   -Você não faz meu estilo!

 Para fugir dos perigos,
  O oculista já marquei.
   Se descuido, os meus amigos
    Hão de pensar que sou gay!

       Bom Jardim- RJ
        em 29/08/2007
Vitório Sezabar
Enviado por Vitório Sezabar em 28/08/2007
Código do texto: T627864
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vitório Sezabar
Bom Jardim - Rio de Janeiro - Brasil
625 textos (43676 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 07:07)