Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Navegar no Virtual 

Numa tela de computador
Viajo pelas minhas fantasias
Crio e percorro toda extensão  
De minha fértil imaginação.

 

Faço amigos sem medidas
Espalho meu carinho além do horizonte
Conheço mundos até então desconhecidos
Sinto querido, nunca me vejo sozinho
Ainda que diante uma aparente fria telinha.

 

Ha! Que interessante invenção
Que eliminou qualquer distancia
Desfez a timidez, espantou a solidão. 
É uma porta aberta para o coração.


É bem verdade, que há o inconveniente 
Pois, o coração é um insatisfeito
E o homem um Ser afetivo carente 
Estando sempre suprir a mente
De desejos de prazer contidos
Saindo da sombra para no virtual viver.  

Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 28/08/2007
Reeditado em 28/08/2007
Código do texto: T628213
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 52 anos
5325 textos (1244311 leituras)
5 e-livros (11903 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 04:25)
Ataíde Lemos

Site do Escritor