Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÚSICA INTERNA
Juliana Valis




Ouço as músicas diluídas pelos sonhos da vida,

Entre brechas de luz, um canto só de aventura,

No recanto que a alma propriamente elucida,

Sem calma, na mente, tão loquaz, insegura...




Então escuto o silêncio que o coração me apregoa,

Sem qualquer lógica, o verso desafia a canção

Do universo insensível a uma vida que ecoa

A tristeza furtiva das alegrias que vão...




E na estação da saudade, todo delírio declama

Amor, tempestade de um tempo inefável,

No sentimento que invade cada dúvida humana,

Além de todo momento simplesmente provável...




Se no cerne da mente, todo enigma ecoa

Além da estupidez deste mundo, em cada dia que jaz,

Como fazer da existência uma aurora, em si, boa,

Agora que a vida já não olha pra trás ?



Juliana Silva Valis
Enviado por Juliana Silva Valis em 28/08/2007
Reeditado em 28/08/2007
Código do texto: T628258

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Juliana Silva Valis
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 33 anos
3973 textos (883942 leituras)
4 e-livros (1863 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 09:49)
Juliana Silva Valis