Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RAZÃO DA ESPERA



Espero o correr-das-horas
Escoando, voando
Tornando fria a espera.

Presa fácil é a solidão
Mas é aí que me encontro
Marco ponto, traço metas – só assim.

Espero que o mundo se entenda
Que dê meia volta
Que a criança cresça
Faça sua vez – quem sabe a resposta.
Que o sol brilhe e ofusque os alienados
Que a mudança aconteça.

Espero, por isso, ainda acredito
No novo amanhecer
No crescer radiante
Da criança-homem.
Zete
Enviado por Zete em 31/08/2007
Código do texto: T632816

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zete
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
131 textos (9822 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 15:01)
Zete