Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
"Eu Era Muito Feliz e Sabia..." = Poesia de Desilusão=

Eu era muito feliz e sabia
Contava pra todos na roda
O que alguém jamais dizia
É que felicidade incomoda

Eu era muito feliz e sabia
Disso tinha muita certeza
Mas não que minha alegria
A outros causava tristeza

Eu era muito feliz e sabia
Ria,(minha risada troveja)
Eu juro, ninguém me dizia
Que isso causava a inveja

Eu era muito feliz e sabia
Nosso amor no céu talhado
Muita gente qu’igual queria
Havia no amor fracassado

Eu era muito feliz e sabia
Ao ver os filhos crescendo
A família que eu possuía
Aos poucos se desfazendo

Eu era muito feliz e sabia
Mas continuo errando feio
Não se demonstra alegria
Feliz? De esconder há meio

Guarde para si a felicidade
Que porventura ainda sinta
Ou reduza até pela metade
Caso seja necessário, minta

A inveja anda por aí voando
A felicidade ainda de bonde
A inveja vai à outra matando
Descobrindo onde se esconde.

Fernando Brandi
Enviado por Fernando Brandi em 01/09/2007
Reeditado em 01/09/2007
Código do texto: T633771

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Brandi
São Paulo - São Paulo - Brasil, 70 anos
1392 textos (191108 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 20:06)
Fernando Brandi