Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

pique-nique

Famílias felizes baleadas num pique-nique
numa manhã de domingo ensolarada
ninguém mais chora no mundo
apenas eu
ninguém se convençe ou comove
sangue no jornal
na revista,na televisão
matam por amor,ódio,esporte,hábito
Aos dez anos poucas são virgens
todas as doenças,as tristezas,e as loucuras
Oque nos incomoda num corpo
esquatejado em nossa calçada
é apenas o cheiro e a sujeira que ele causa
Amores perdidos,balas perdidas
Enquanto isso os ribossomos
fazem a síntese protéica em nossas células
O Sol se vai no domingo
sem querer saber quem morreru ou se matou.
pedro carmo
Enviado por pedro carmo em 25/10/2005
Código do texto: T63395
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedro carmo
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
172 textos (5174 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:31)
pedro carmo