Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEIO AMOR

O que dizer do amor quando não se sente?
Ou quando pensa que o sente?
O que é ser verdade?
Ser feliz?
E o que poder esperar da solidão?
Na mente onde tudo acontece,
Desejo, aspiração veemente,
A pertencer, a querer,
Não é tão real quanto à certeza,
Ou não muito mais que a mente pode ser.
É variação constante,
Eu posso sentir.
Há quem o sentem...
Dum... Dum... Dum...
Compulsões dilaceradas,
Batidas, notas de qual ritmo não se sabe.
Tenho um só momento
E todo ele se passa.
E do amor que da alma é a metade
Cala-se ao som e se sega meio a escuridão.
sergio carvalho
Enviado por sergio carvalho em 02/09/2007
Código do texto: T635865

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
sergio carvalho
Salvador - Bahia - Brasil, 31 anos
133 textos (6796 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/17 20:43)
sergio carvalho