Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O chamado

Escuridão perpétua,
as almas a me chamarem,
não aguento mais.

Dor infinita, sinto-me a queimar,
mas não há fogo, vejo os vultos
a me assombrar, sinto que me
chamam, mas não quero ir.
Escuridão maldita, almas
sofridas, que não me largam;
não aguento mais.

Dor impiedosa, escuridão maldita,
já estou indo, não agunto mais
resistir ao seu chamado.
anselmo xavier
Enviado por anselmo xavier em 03/09/2007
Reeditado em 03/09/2007
Código do texto: T636473

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
anselmo xavier
Vespasiano - Minas Gerais - Brasil, 34 anos
18 textos (300 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 21:04)
anselmo xavier