Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" CONTIDA "



           A poesia está contida,
           numa lata fedida e no prato da comida,
           nos grafites das  parede sem emboço,
           e no sorriso matreiro do moço,
           numa boca banguela, e aquela beijando ela,
           nos olhos da moça que passa,
           e no braço que a abraça ...
           A poesia está contida,
           na vitrine da loja, e na modelo que posa,
           no papel voando na esquina, e na mão que bolina ...
           No reflexo das retinas e no sexo da menina,
           nos rugas do velho que se arrasta, e no tempo que  passa,
           no bamboleio da bela bunda, que a mão amassa ...
           A poesia está contida,
           nos olhos lendo-me agora e na velha senhora,
           no interior do poeta, voando como uma seta,
           mão,  papel e caneta procurando uma meta,
           o verso certo, a rima concreta ....


                                                        04.08.2007
           
           
           
Poe
Enviado por Poe em 04/09/2007
Código do texto: T638207
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poe
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 69 anos
483 textos (18071 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 23:07)