Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A MENTIRA DA ROSA1

Voltei os olhos e percebi a rosa
desabrochada, pétalas orvalhadas
e comecei com ela uma estranha prosa
que me deixou um tanto espantada.

“As rosas não falam”, já disse o poeta
mas esta que encontro é diferente.
No seu ramo um tanto  inquieta
Pareceu-me dizer tudo o que sente...

Perguntei  à ela se já havia amado,
se seu amor fora correspondido.
Ela disse-me que sim lá no passado:
ele me amou e por mim foi querido!

Contei pra ela todo meu desgosto
mostrei a ela as marcas do meu rosto
de um grande amor, não um amor qualquer!

Mas percebi que ela  estava chorando,
mentindo ser feliz, me enganando
pois a rosa também é uma  MULHER!



dezinha
Enviado por dezinha em 27/10/2005
Código do texto: T64413
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dezinha
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
175 textos (13639 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:13)