Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desmerecedores

Depois de tanto tempo me guardando
Na boa esperando
Outra vez cometo um engano

Buscava o que já tive algumas vezes
Não o que já uma vez tive falsamente
Escrevo por mim mesmo, o que nesse inferno aprendo
Sem coragem, sem coração e cruel, quero o silêncio
Desmerecedores merecem desse jeito

Vinte e tres e dei o presente, uma chance
Me enganei, busquei o romance
Tudo bem ! só não esperava assim desse jeito
Tanta falta de consideração e respeito

Na tristeza, minha familia e amigos, OBRIGADO !
Na angustia, um bom porre, OBRIGADO !
Na vontade de vingança, conselhos, OBRIGADO !
No ódio, garrafas vazias quebradas, coisas arremessadas e espatifadas, OBRIGADO !
Na força, mesmo alguém que nem me conhecia, OBRIGADO !
No que buscava de verdade e de coração, chorar de felicidade, MEU TRUTA OBRIGADO !

Desmerecedores quero a distância, quero o silêncio ... só quero assim desse jeito. OBRIGADO !
weldinho
Enviado por weldinho em 11/09/2007
Código do texto: T648516
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
weldinho
Piracicaba - São Paulo - Brasil, 33 anos
80 textos (4308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 19:35)
weldinho