Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Comitiveiro

Comitiveiro que comia
o pó da estrada,
agora come o pão que o diabo amassou;
a sela ele pendurou,
pendurou seus sonhos;
a altivez na montaria
cedeu a vez
para o monstro de rodas.
E quem se incomoda?
O berrante de tão passivo,
no grande abandono,
ficou distante do seu dono,
mais ativo para a aranha
que emaranha sua teia
em seu bocal
e o transforma em cadeia
a utilidade daquele que para muitos
representou a liberdade.
Aldair Lucas
Enviado por Aldair Lucas em 14/09/2007
Código do texto: T651623
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aldair Lucas
Amambai - Mato Grosso do Sul - Brasil, 50 anos
47 textos (3745 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 03:49)
Aldair Lucas