Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Viver só

A noite é calma, intranqüilo é o dia.
No fim  da tarde, é alma vazia.
A chuva vem;  cinzento é o céu.
Atormenta o pensamento, a  saudade tua.
O corpo cansado, o meu leito é frio,
Adormeço chorando,  a vida num fio.
O sol torna a brilhar, arco-íris é cor
Trazendo alegria, o coração a sorrir,
Esperança em mim,  é grito de dor.
Essa falta de amor, me sinto tão só!
É fim de tarde, solidão que atormenta,
É chuva no dia, nessa vida vazia,
A  noite acalma  minhalma,
Aprendi a ser viver só!
SilScher
Enviado por SilScher em 14/09/2007
Código do texto: T651906
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SilScher
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
150 textos (9938 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 01:42)
SilScher