Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apenas crível...


Serão justas as verdades que falam de mim?
Que ilumino os caminhos e desvendo mistérios
Serão justas as verdades que falam por mim?
De que descrever o amor, é meu ministério...?

Há quem afirme que sou plantador de jardins
Onde, junto as árvores estão minha flores
Estas são as que mais me traduzem assim
Pois são frutos derradeiros de meus amores

Outros dirão que semeio a calma e a paz
Mas na verdade as carrego sempre comigo
Elas  continuamente me fazem capaz
De serenar assim, todos os meus amigos

Algumas mulheres falarão de meu amor
De como ele se apresenta por inteiro
Não existindo desta forma nenhum pudor
Que houvesse de ser julgado primeiro

Meus amigos citarão minha alegria
Meu bem querer inocente, quase infantil
De brincar isento, sempre que se podia
E de minha forma de ser sempre gentil

Meus pais, certamente assim falarão
Do orgulho que sentem quando me vêem
Pois eu soube aprender a viver a boa lição
E esta certeza, de fato, os dois a tem

Serão justas as verdades que falam de mim?
Que sou cria da vida, e me fiz o melhor possível
Serão justas as verdades que falam por mim?
De que minha poesia possa ser apenas crível...?





Marcelo Scot
Enviado por Marcelo Scot em 14/09/2007
Código do texto: T652238

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcelo Scot
São Paulo - São Paulo - Brasil, 53 anos
392 textos (37962 leituras)
9 áudios (1478 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/17 02:10)
Marcelo Scot