Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Resistência

Eu cansei de tentar agir com ponderação
eu já cansei de errar, não sei o X da questão
eu já não posso saber, se ainda há solução
eu já não quero te ver?, prefiro estar, solidão?

se os minutos não passam, e as horas tardam em orar
eu já não sei se eu passo, ou fico nesse lugar
eu já não sei se me importa, em não querer mais lembrar
eu já não sei se eu acordo, ou continuo a sonhar

prudência pra quê preciso?
ela não é a essência
queria você comigo
preciso dessa incumbência
mas minha alma ''sentigo''
já não tem mais resistência

palavras fracas evito
remetem a outro amor
tão breve logo eu insisto
rodo com o ventilador
e os meus passos despisto
reanimar nosso amor
em te ligar eu insisto
mas foi você quem errou

amor, eu nunca encontrei
como eu te quero assim, tanto
amor, eu nunca chorei
é pra você o meu canto
amor, a vida toda esperei
é por você o meu pranto

Ana, eu nunca esperei
ver um sorriso tão lindo
e agora qu'eu vi
já não mais posso perdê-lo
pior castigo não tê-lo
eu já não quero esquecê-lo

Peço a Deus que ouça
minha prece
Ana, nunca
me despreze

Bruno Salim
Enviado por Bruno Salim em 15/09/2007
Código do texto: T654251
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Salim
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 28 anos
103 textos (3497 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 12:38)
Bruno Salim