Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não Sei.

      Caminhando  a horas por um pasto verde, só vejo capim, será  que o dono  deste pasto, esqueceu que este lugar lhe pertence, e que teria  plantado aqui arroz, feijão, frutos tudo enfim, será então ignorância  minha, este capim será  no futuro o alimento da humanidade  e o dono destas  terras, sabendo disto se  antecipou  e já começou a plantar  este novo alimento.
     Amanhã veremos  irmão comendo capim  no almoço   e jantar, por não Ter onde plantar, e para pelo menos  comer e Ter o que dar de comer aos seus filhos.
     Pela   ganância  daqueles que tem terras e não as cultivam  fazendo  a população de burra, não dando direito de plantar em terras  que não são deles  de fato. Se no futuro  tivemos que comer  capim  os latifúndios  também comeram, pois não teremos  campo para plantar.
Marco Aurelio Alvino
Enviado por Marco Aurelio Alvino em 16/09/2007
Código do texto: T654867
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marco Aurelio Alvino
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
23 textos (342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 20:37)
Marco Aurelio Alvino