Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estrela Vermelha

A alma do herói macerada,
Como pétalas lássidas.
Rica maligna onda "democraticamente" miscigenada,
Teu grito não passa de um silêncio.

Pseudo-onda, na verdade puntiforme.
Séquito de bajuladores entediados,
Por que se apaixonou por negros verdes ?
O povo, a terra, a luta, não vês de sua ?

Império Oriental, parte boa, desmistificai.
Separa brasileiros de brasilianos.
Mora entre feras, assume tua predestinação.
Usa dois números o verde e o plim-plim.
Rasga o silêncio, cria teu próprio
Anjo inebriante, profundamente armilarizado.

A economia mirrada, indústria de cadeiras,
A ignorância lúcida e cansada.
Para brasileiros arrotéia,
Para brasilianos nem pedaço.

Em asas geladas ela está vindo,
Mãos dadas com ruínas, seu mundo.
Cansados em silêncio, vocês viram ?
A aurora de um novo dia.







-----------------------------------

Uma pequena crítica ao movimento elitista "Cansei".
Escrevi essa poesia após tomar conhecimento desse movimento.

Aqui vai apenas uma das milhares interpretações possíveis dessa minha primeira poesia:

O herói -> Povo brasiliano
Qual o motivo de brasiliano e não brasileiro ?
Resposta: Na época da colonização portuguesa, brasileiro era aquele indivíduo que saia de Portugal, explorava o Brasil e voltava rico. É uma definição científica que consta em todos os dicionários do mundo. Sendo assim, acho que o povo do meu país Brasil deveria ser chamado de BRASILIANO, e não de um esquálido "brasileiro".

Continuando... A alma do povo brasiliano está machucada, como pétalas cansadas. A onda maligna é a elite dominante no país, que quer fazer revolução com 1 minuto de silêncio através do "Cansei".

Falsa onda. A elite não representa 15% da população, por isso puntiforme. Grupo de bajuladores cansados do imposto de renda, que de tanto ganhar dinheiro (principalmente petrodólares) esquece das verdadeiras riquezas do mundo, o povo, a terra e a causa.

O Império Oriental é uma paródia à Antiga Roma no contexto brasiliano. Lá a parte boa do Império era a Oriental, aqui a parte Oriental é justamente aquela em que o povo está inserido. Está na hora do povo criar consciência da sua importância e mostrar que o voto é seu principal mecanismo de defesa contra a onda maligna.

"A economia mirrada" Começo de uma ironia, pois o país passa por um extraordinário crescimento econônimo, com suas indústrias exportando a todo vapor. Se a elite multiplica seus lucros a cada ano, só mesmo cadeiras com defeito para deixar tantos cansados.

Para brasileiros (de acordo com a definição de "Portugueses que exploravam o Brasil e voltavam ricos à Portugal) terras.
Para brasilianos (o povo do Brasil) absolutamente nada.

A justiça está chegando. As elites começam a sentir um friozinho na barriga. Realmente, no dia em que ela chegar (e eu confio nisso), será o caos para os partidários do "Cansei".

E quando ela chegar, será a verdadeira independência do Brasil, a aurora de um novo dia.

Até a próxima!
Drew Keating
Enviado por Drew Keating em 16/09/2007
Código do texto: T655321

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite: Nome do autor, cidade onde nasceu, idade.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Drew Keating
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
1 textos (49 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 23:23)
Drew Keating