Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lágrimas

E de repente um ser exógeno

ingressa em mim

não posso gritar

não posso fugir

sorrateira, imperceptivelmente,

crava suas garras em minh'alma

que se esvai no sangue escuro

que brota de minha memória...

Mas oh, terrível criatura,

algoz de meu ser

tu me torturas e não fazes escorrerem junto

com o líquido preto-avermelhado

as lembranças, os sentimentos










Clarissa de Baumont
Enviado por Clarissa de Baumont em 20/09/2007
Reeditado em 20/09/2007
Código do texto: T660547

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Clarissa de Baumont
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
85 textos (15712 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 01:00)
Clarissa de Baumont