Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Feitiço da lua

  E em um tempo profundo
  Onde as águas são puras
  Ventos verdadeiros
  E um sol entusiasmado
  Sobre uma árvore embelezada  pela primavera
  A lua me chama de meu amor
  Frutos doces e vivos, trago à boca
  Tão grandioso é o esplendor
  Quimera recheada vem sorver da minha alma
 Solitude em vida presente
 Deixe-me apenas cochilar
 Coagular em sonho o amor transparente da lua
 Deixe-me romper o invólucro dos meus olhos
 E maravilhar-me com um céu luarento
 Que mesmo entre nuvens e ventos
 Teima em meu sonho enfeitiçar
medrado neto
Enviado por medrado neto em 20/09/2007
Código do texto: T661086
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
medrado neto
Salvador - Bahia - Brasil, 38 anos
14 textos (896 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 08:47)
medrado neto