Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

*PERDI-ME DE VOCÊ*

Perdi-me de você não sei da jornada
Se ao dobrar numa esquina sem destino
Ou por não conhecer a rota da estrada
Que te levaram ao ímpeto do desatino

Se ao dobrar numa esquina sem destino
As palavras quedaram já cansadas
Que te levaram ao ímpeto do desatino
Perdi-te não sei o caminho da estrada

As palavras quedaram já cansadas
O olhar ficou turvo embaçado
Perdi-te não sei o caminho da estrada
Nesta pálida tarde enfim cansada

O olhar ficou turvo embaçado
A lágrima rolou fria esmaecida
Nesta pálida tarde enfim cansada
A alma silenciosa embevecida

A lágrima rolou fria esmaecida
Uma poesia sequer foi-me enviada
Apenas a saudade calma entediada
Perdi-me de você não sei da jornada

Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 21/09/2007
Reeditado em 21/09/2007
Código do texto: T661731

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2364 textos (128622 leituras)
13 e-livros (685 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 22:05)
Sonia Nogueira

Site do Escritor