Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O caso de Dois Vizinhos

O Caso de Dois Vizinhos

O esse caso vive na boca do povo
Nascido na boca solitária.
Esse caso não é caso,
Nem arte do acaso.

Esse caso tem pano grosso
Que esconde história rasa,
Rala e sem essência.

O irmão do vilão da história
Omite-se dela.
A irmã do amigo
Do criador de casos
Não quer caso nenhum.

A irmã bonita se veste de paciência
E compaixões,
E o feio se veste de declarações
Redondas de amor.

O feio de veste de machismo.
A menina se veste de ternura e educação.

Ele diz que ama,
E ela só diz sentir pena,
(Essa é a sua pena).

E o caso que não é caso
Virou caso na cidade.

A boca do feio
Falou de namoro com a bonita.
Fez a história ficar interessante
Para os ociosos.

E a irmã bonita
Ficou feia na história,
Que não assumiu o caso,
Mas ficou com o caso beijado
Na sua reputação.

Daniel Pinheiro Lima Couto

23/04/07














Daniel Couto
Enviado por Daniel Couto em 22/09/2007
Código do texto: T662997

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Daniel Pinheiro Lima Couto). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Couto
Curitiba - Paraná - Brasil, 34 anos
110 textos (6674 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 02:33)
Daniel Couto