Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU SILÊNCIO ENSURDECEDOR


Deixo o tempo acreditar
nas boas maneiras de seu coração
Sem relutar, sem agredir
Nunca dor, sempre paixão

Vou permitir que a sensatez se cale
Deixarei meu silencio ser ensurdecedor
Confiarei no bem, divergindo dos males
Lembrando que de ti, eu só queria o amor

Não há paz num emaranhados de sonhos
Onde a realidade está sempre ausente
Pois de que me vale os versos que componho
Se não posso viver nosso amor plenamente.
Jayme Tijolin
Enviado por Jayme Tijolin em 23/09/2007
Código do texto: T665251
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jayme Tijolin
Betim - Minas Gerais - Brasil, 47 anos
174 textos (13541 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 21:59)