Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FARSANTE

Teu silêncio estranho e recluso
retrata a verdade de um ser confuso
perdido no tempo e pesadelo constante...
 
Tua ausência encobre a verdade,
o medo da triste realidade
que tua alma solitária acorrenta...
 
És o tempo fugaz e inconstante
bi-polar que muda a todo instante
como o mar que não avisa a tormenta...
 
Teu sorriso é cena ensaiada
uma peça teatral decorada
jóia falsa de brilho e cor...
 
És lobo com pele de ovelha
calor que  a floresta incendeia
e sem piedade destrói o que restou...
 
Tua retórica é pura covardia
o anverso da verdade e alegria
promessas do egoísta enganador...
 
Teus versos são canto de seria
aranha que destrói em sua teia
a presa frágil e descuidada...
 
És o abrigo do ressentimento
tens no rancor o alimento
em que revidas tuas frustrações...
 
És a serpente do jardim santificado
pioneira da traição e do pecado
fruto proibido que a humanidade condenou...
 
Tua arrogância humilha e apavora
aqueles que conhecem tua história
e hoje lamentam ter te conhecido...
 
Assumes com orgulho e destemor
tua descrença no divino Criador
porque nem sabes o que é amor.



Blog do autor.
www.meuamorpoesia.blogspot.com
FalcaoSR
Enviado por FalcaoSR em 27/09/2007
Reeditado em 08/04/2010
Código do texto: T670327
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FalcaoSR
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
202 textos (26788 leituras)
7 áudios (1514 audições)
8 e-livros (333 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 03:28)
FalcaoSR