Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Canto Das lavadeiras

                       O CANTO DAS LAVADEIRAS

Na minha infãncia as lavadeiras que lavavam roupas
Na beira do rio eram um encantamento

As pedras do rio eram decoradas com roupas
As pedras eram mosaicos de cores

Minha avó lavava a roupa
Ficava eu sentado numa pedra ou numa canoa

Comíamos ali mesmo de capitão
Depois bebíamos àgua do rio mordíamos rapadura de cana caiana

Bonito era quando as lavadeiras cantavam
Até então não sabia de onde elas tiravam aquelas coisas

Aquelas músicas aquelas cantigas
Lindas lindas de dá dó de tão lindas

Ainda tinham os canoeiros na sua estrada de água
Em seu percurso de sonhos

Os pescadores vinham com cambões de peixes
Meninos atravessavam o rio com enfieiras de jenipapos

As lavadeiras cantavam alegres
Batendo roupa quarando a vida debaixo daquele sol

Meu amoroso coração ficou morando
No meio do canto daquelas mulheres no mei das àguas daquele rio

                  Cláudio Bento
                  Jequitinhonha - Minas Gerais - Brasil  
Cláudio Bento
Enviado por Cláudio Bento em 28/09/2007
Código do texto: T672027

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cláudio Bento
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
35 textos (3957 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 02:00)
Cláudio Bento