Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RARO SENTIR

                      Julio Silva
                  www.juliosilva.net

Visualizei em minha mente rica presença.
Percebi! É como se ainda conversássemos!
Ao permitir o divagar, nessa sensação clara,
sorrisos primaveris juntaram-se em retalhos.

Escutar a voz advinda do interior, em silêncio;
Contemplar a pergunta e obter a certa resposta.
Sinais da tênue transitoriedade invadem a aura,
passados vários anos do primeiro olhar e sorriso.

Em que momento é ilusão o amor sentido?
Ao transformar-se em causa para o sofrer!
Ao abandono se ressentes e jaz dolorido!
Se aos sonhos segue a realizar, justo a viver,
afastas da vida a procura intensa, sê vívido!

Caminhando, seguindo, desejoso de se aprimorar,
perceberás a sutileza entre o sentir amor,  mui raro,
e o viver próximo, reter junto a ti, o algóz desejado.
Não é preciso, seguramente, ser amado para amar.

            www.juliosilva.net
Julio Silva
Enviado por Julio Silva em 28/09/2007
Reeditado em 28/09/2007
Código do texto: T672529

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Julio Silva
Iguape - São Paulo - Brasil, 49 anos
122 textos (8734 leituras)
1 áudios (583 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:42)
Julio Silva