Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TROFEU:

Troféu:

Hoje vou sair por ai,
Em paz, com a vida caminhar.
Ver criança, pelas praças, a brincar.
Nos balancins, pelos ares voar.
Nas pistas, suas bicicletas pedalar.
Correr, na suas mentes, imaginar.
Um grande atleta, dando voltas, ao mundo.
Colecionar troféus, para mostrar aos amigos.
Na sua mente adulta, quando crescer.

Hoje eu queria sair por ai.
Em paz com a vida, poder caminhar.
Ver crianças pelas praças a brincar.
Tudo que vi, foram calçadas.
Tomadas...
Por meninos inocentes, ali esquecidos.
Nos balancins das drogas, se prostituírem.
No voejar, de seu mundo imaginário.
Buscar, a morte como troféu.

Eu que pensava sair por ai,
De paz com a vida, poder caminhar.
Ver crianças, pelas praças a brincar.
A paz que procurava, não encontrei.
Encontrei sim, tristezas, desilusão, dor.
No olhar, daquelas crianças.
Prostituídas, drogadas, marginalizadas.
Ali jogadas, por uma sociedade, injusta.
Que cobra, mas não faz, a sua parte.
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 05/11/2005
Código do texto: T67494
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147465 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:14)
Volnei Rijo Braga