Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poesia de vó

Apesar do coração calejado do sofrer da vida,
Ela ainda canta modas velhas de saudade,
De tempos de amores de cantiga,
Quando buscava na cabeça, agua velha, sofrida,

Hoje é só poesia, canção tão bela,
E no seu sangue corre o brasão de um legado,
Um amor de fé incondicional, interminável,
Que voa entre as paredes do céu,

No breu profundo ou no azul infinito,
Seus filhos, e filhos de filhos,
Aqui ou lá, da terra ou na terra,
De seus irmãos de parto, ou de vida,

Um amor que termina no canto do mundo,
Na estrada velha de foto, de cinza mais bonito,
Na canção, no calor da vida, é ela,
A poesia sem fim dessa casa velha.
Vavelar
Enviado por Vavelar em 01/10/2007
Reeditado em 02/10/2007
Código do texto: T676043
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e colque link para página original.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vavelar
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
68 textos (5767 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 04:33)
Vavelar