Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LIMITES DE UM MUNDO SEM FRONTEIRAS

Blocos
Tijolos
Lajotas
Ladrilhos
Paredes
Edifícios
Quarteirões

Diziam os antigos
Que os olhos
São as janelas da alma

Mas o horizonte virou
Quilômetros quadrados
Aprisionando olhares
Encarcerando almas

Em latitudes e longitudes
Em trópicos e meridianos
Quadricularam o planeta
E o olhar retangulou
Na janela do ap
Na janela do carro
No quadro negro
Na tela de tv
Na tela do cine
Na tela do micro
No teclado do micro
Em cada tecla do teclado
Nas fotos
Em cada pixel de cada foto
Na lâmina do microscópio

E foi assim que o mundo,
Antes redondo,
Ficou quadrado

Enquanto isso,
Na aula de geografia,
A professora diz:
A Terra é chata!

Oldney Lopes
Enviado por Oldney Lopes em 02/10/2007
Reeditado em 19/11/2007
Código do texto: T677078

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oldney Lopes - www.oldney.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Oldney Lopes
Brumadinho - Minas Gerais - Brasil
323 textos (65196 leituras)
4 e-livros (1257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 02:01)
Oldney Lopes

Site do Escritor