Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Incertas caminhadas

Ruas tortas e passagens
não há um refúgio pra mim
não ouço ruidos não ouço passadas
é como gente morta caminhando sem fim

caminhando sem caminho
sem saber onde vai chegar
o desconhecido é um labirinto
e não tem quem me guiar

escuro, medo,angustias
é um eterno lamentar
essa prisão que me sufoca
e essa dor que nada pode aliviar

caminhos caminhos caminhos
com pés firmes a trilhar
mesmos com incertezas e inseguranças
sem saber se chegará
A Valentinna
Enviado por A Valentinna em 05/10/2007
Reeditado em 05/10/2007
Código do texto: T682513

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
A Valentinna
Santo Antônio de Jesus - Bahia - Brasil
7 textos (7682 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 22:20)
A Valentinna