Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você é que é diferente.

Quando eu for embora
Te darei a notícia fatal
Que jamais te esquecerei
E que sua vida vai ser sempre normal
Te daria meu mundo
E uma vida sem igual
Sem muito luxo
Mas com amor o que é fundamental
Sem rotina nem sofrimento
Mas com sorriso e o mais puro sentimento
Correríamos nos campos da loucura
E descansaríamos no vale dos loucos
Sorriríamos na noite sombria
E sentiríamos frio no sol da praia
Quando o mundo estivesse caindo parados ficariamos
E quando todos estivessem parados nós é que fugiríamos
Queria um companheiro mas acabei vendo que você não servia
Por que você não era eu
Nem um pouco parecido, e nem diferente
Você apenas não tinha personalidade
Que pena de você que se afogava no mar padronizado
Que fosse diferente, mas que fosse algo!
Pobrezinhos dos que pensam que ser normal é ruim
Eu sou normal, você é que é diferente.
Carolina Augusta Costa Justino
Enviado por Carolina Augusta Costa Justino em 06/10/2007
Reeditado em 21/06/2008
Código do texto: T683753

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carolina Augusta Costa Justino
São Paulo - São Paulo - Brasil, 26 anos
74 textos (5627 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 18:09)
Carolina Augusta Costa Justino