Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida Efêmera


A cada dia um novo sonhar
A cada instante um novo viver
Ando por entre o vale do amar
Aguardando o que possa me acontecer

Sigo pelas trilhas do sentimento
Busco amor profundo e real
Existem bons e maus momentos
Absorvo o que deles têm em especial

Erro, mas não me deixo estar inerte
Por mais que sofra os efeitos da tristeza
Procuro logo algo em que eu me liberte
E elevo min’alma com toda nobreza.

Sou Ser em essência e não me entrego
Solidão sinto sim, pois não sou imortal
Lágrimas, derramo da dor que não nego
Isto hoje se torna uma coisa quase que banal

Regozijo-me em minha nostalgia
Resgatando o belo que vi e vivi
Mantenho-me em perfeita harmonia
Para não esmorecer, ponho-me a sorrir

Da vida quero o melhor e verdadeiro
Permito-me infinitamente sonhar
Na consciência de que tudo é passageiro
Só o amor que há em mim irá se eternizar...
Nelciene Santos
Enviado por Nelciene Santos em 09/10/2007
Código do texto: T687123

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Textos: Nelciene Santos http://recantodasletras.uol.com.br/autores/poesinel). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nelciene Santos
Cabo de Santo Agostinho - Pernambuco - Brasil, 44 anos
1105 textos (68859 leituras)
1 e-livros (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 01:00)
Nelciene Santos