Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS DE SOLIDÃO

Escute-me,olha para mim...
Onde errei?Onde não te dei
o que precisava?
Você me amou?
Você me adorava?
Você quer tempo?
Palavras ao vento...
Sinto tanto,sinto muito...
E agora...O que faço
com esse sentimento?
Frágil amor,
nunca acreditei em ti...
O que faço com meu roseiral?
Com o meu jardim?
Plantei amor,sementes de esperança...
Nossa dança,nossa sintonia,
meu melhor par...Como deixar de te amar?
Agora vem você...Porta aberta,
coração fechado,peito atado,
o que mais dizer?
Seja feliz!Siga em frente...
Mas saíba que  ninguém constrói felicidade
em cima da infelicidade do outro...
Teu amor tão pouco,teu amor tão pouco!
Louca decisão...Minha vida no chão!
Olho para ti com olhos de solidão...
Olho para ti apenas com compaixão
Karla Bardanza
Enviado por Karla Bardanza em 09/10/2007
Código do texto: T687828

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Karla Bardanza
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
219 textos (16595 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/17 07:00)
Karla Bardanza