Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ciúme





Eu calei
só pra te ouvir falar.
Tuas mágoas
tanta água de lavar.
Se eu falei
foi de tanto ouvir dizer, ouvir falar.
Eu chorei
foi de tanto choro guardar
de no teu choro perceber
a  flor que nasce do amor
de amor quer se regar.
A correnteza do destino nos pegou, feriu, marcou.
Toquei um boi, uma boiada
esbarrei na porteira do ciúme.
Ciúme, dor  que cega
põe por terra a razão
turva a vista, turva o tino
emudece o coração.



J F Lisboa
Enviado por J F Lisboa em 10/10/2007
Código do texto: T688401

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J F Lisboa
São Paulo - São Paulo - Brasil
26 textos (1046 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 02:13)