Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

À DISTÂNCIA

Ando pela rua solitária
E não encontro a proprietária
Do meu coração;
Fito a paisagem colorida
Procurando a mulher querida
E só encontro a solidão.

Volto pro meu quarto transtornado
E durmo profundamente cansado
Sem resultado da procura;
Desperto distante da tua consciência
E percebo que a tua ausência
Me mata, me tortura.

Como é ruim rolar na cama macia
Entre lençol, travesseiro e mania
E não poder te abraçar!
Como é triste tatear a cama vazia
Depois de uma noite longa e fria
E não te encontrar.
Carlos Melgaço
Enviado por Carlos Melgaço em 15/10/2007
Código do texto: T695287

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Melgaço
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 59 anos
1127 textos (33052 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 13:47)
Carlos Melgaço