Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem dera...

Quem dera que nesse céu de fantasia
Houvesse um mundo onde reinasse a alegria...
Onde as flores cobrissem o chão com suas cores
Onde nunca houvesse uma lágrima a cair,
A não ser de alegria, ao sorrir.

Quem dera um mundo,
Onde pudéssemos deitar na areia da praia
E contar as estrelas ao anoitecer
Fechar os olhos e dormir sem medo,
Ter a certeza de um amanhecer...

Quem dera não existir desilusão,
Onde todos fossem iguais,
Não na aparência, mas sim no coração.
Onde pudessem ver as borboletas voarem
E os pássaros transmitindo paz cantarem.

Quem dera ver um olhar brilhar novamente
Poder andar nas ruas tranqüilamente
Ver as flores brotarem,
Ver as pessoas se abraçarem,
E sentir de coração, que nada é em vão.

Quem dera que todos dessem as mãos
Sem ter pressa para partir
Ver as nuvens no céu surgir
Sentir a brisa quente passar
Todos, sem medo de amar.

Quem dera poder sentir a chuva cair
Sem medo de pegar um resfriado
Nunca ficar machucado
Nunca ver quem amamos partir
Nunca ter do que fugir.

Quem dera não existisse a fome
Que é muito mais do que um nome
Que o pão nunca faltasse sobre a mesa
Que todos pudessem ver o mundo e sua beleza
E que fosse sempre assim, uma alegria sem fim.

Quem dera todos sorrissem com a mesma pureza
Todos iguais, de certa forma, na riqueza,
Sem fome, sem dor, sem tristeza,
Nem maldade, nem falsidade,
Sem a existência da dor,
Vivendo apenas pelo amor.

Ah... quem dera......
Daniele Santucci
Enviado por Daniele Santucci em 16/10/2007
Código do texto: T697035
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Daniele Santucci
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 26 anos
38 textos (2022 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 00:10)
Daniele Santucci