Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DE POETA A LOUCO




Pinto a cor dos mundos
Numa tela sem igual
Escrevo vocábulos profundos
Em um poema genial.

De poeta a louco
Navego na insanidade
Resta-me tão pouco
Desta tal felicidade.



Brinco com tintas e letras
Tentando transparecer
Os sons tocados em retretas
Ou a luz do sol ao anoitecer.


Sujo uma, duas telas...
Com pinceladas audazes
Tentando exprimir nelas
Meus sentimentos fugazes.


Tento com as palavras
Fazer uma certa magia
Mas torna-se como as lavras
Aparentemente tão frias.

O pintor é um sonhador
O poeta um enamorado
Só sabem traduzir o amor
Em seus versos ou quadros!


Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 10/11/2005
Código do texto: T69734

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916737 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:40)
Denise Severgnini