Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem opção

Como te enganas!Meu amor é chama.
Que se alimenta em nosso segredo,
quando te fujo é que te adoro louco...
ès forte-eu fraca: tens amor - eu medo!

Tenho medo de mim, de ti... de tudo,
das trevas, sombras, luz, do silêncio ou vozes

Quando a noite chega me atormentas em dores,
A luz da  aurora me entumesce os seios,
quando o vento chega ao cair da tarde,
eu me estremeço de cruéis receio.

Enquanto meu corpo estremece
Como se criança louca, pisasse em brasas,
vermelha boca, soluçando um beijo!
O medo me invade, recuo, caio...
sem opção sem direção como pássaro sem asas.
Leandra Telles
Enviado por Leandra Telles em 17/10/2007
Reeditado em 17/10/2007
Código do texto: T698739

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Leandra Telles
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
111 textos (3480 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 00:54)
Leandra Telles