Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Candongueiros


São chamados de candongueiros

Trepa calçadas e canteiros,

Na via é sempre o primeiro

Passa assim o dia inteiro

Correndo atrás do dinheiro

Sem o código respeitar.

 

Cabeça branca corpo azul

O branco é paz e o céu é azul,

E na terra vives tu

Contrariando o branco e o azul.

 

É o rei da estrada

O seu código é pancada,

Sua carta é marada

Sendo agarrado no fraga

Com a licença expirada.

 

Inimigos de semáforos

No vermelho causa baixa

Não quer saber das faixas

Quem se atreve atravessar.

 

O ponto é automático

Pisca sempre com o braço

É o dono do espaço,

O destino não é escrito

A informação é no grito

O importante é viajar.

 

Embarcam no empurrão

E sem pagar não há perdão,

Desconhece o ancião

Arranca na contra mão

E aguenta coração…

 

Candongueiros, são taxis vulgarmente chamados em Angola.

Ulisses Maia
Enviado por Ulisses Maia em 18/10/2007
Reeditado em 22/10/2007
Código do texto: T699949

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Transferencia Bancaria para uma conta a indicar por mim.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ulisses Maia
Luanda - Luanda - Angola, 54 anos
903 textos (71430 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 14:43)
Ulisses Maia