Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Colheita do não

Na lágrima caída
No cenho franzido
No silêncio
No grito contido
Já disse tantos nãos
Uns necessários
Outros vãos
Palavra que dificulta a melodia
Mesmo sendo via de amor
Palavra
Dura e seca
Como o chão da minha terra
Proferida
Recolhe um tipo de semente
Intuitivamente acreditando na colheita
Do outro caminho plantado
Ah! Como dói um não
Falado ou ouvido
Navalha que desperta
O idílio que a alma canta.
Valéria Britto
Enviado por Valéria Britto em 18/10/2007
Código do texto: T700305

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Valéria Britto
Arcoverde - Pernambuco - Brasil, 45 anos
78 textos (4059 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 20:33)
Valéria Britto