Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESENCANTO



Bela!
Triste foi
Aquele desencanto
Na quietude da noite
Num breve ronco
Suarento de dor.

Dor!
Senhora raivosa
Vestida de preto
De sorte inglória
Atravessa o peito
Trás a morte.

Morte!
Daquela flor
Mimosa e pura
Cisne de louvor
Musa de candura
Que tanto amei
Que se foi
Levando consigo
O meu amor.

Amor!
Insubstituível
Ainda vivo
Nas lembranças
Que carrego
Comigo.
luizpoetista
Enviado por luizpoetista em 19/10/2007
Código do texto: T700881
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
luizpoetista
São Paulo - São Paulo - Brasil, 60 anos
1426 textos (105498 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:37)
luizpoetista