Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REZA O CREDO INVEJA

Bandida! Patifa!
Gira não me faz mira,
joga o teu bote pra lá, infausta sem crachá.
Ou lambe-me a ferida ou deixa-me em paz!
Até Zaratrusta da minha vindita
morreu quando bebeu do teu sangue, medusa ofídica.
Melhor rezar o credo inveja.
Comigo ninguém pode!

MANOELSERRÃO - SLZ/MA - TRINIDAD - 22.10.2007.





serraomanoel
Enviado por serraomanoel em 22/10/2007
Reeditado em 17/12/2008
Código do texto: T705507

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
serraomanoel
São Luís - Maranhão - Brasil, 57 anos
1502 textos (158863 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 07:52)
serraomanoel