Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Pedinte.

Uma pobre criatura,
Que vive sem nada ter,
Para a fome não tem cura,
Por não ter para comer.

Para poder sobreviver,
Come os restos que lhe dão.
Mas para isso acontecer,
Tem que estender a mão.

Estende a mão a pedir.
Mas nunca lhe dão nada.
E o que continua a sentir,
É uma fome malvada.

Transformado em pedinte,
Que pede para não morrer.
Passam por ele mais de vinte,
Que nada lhe dão para comer.

O facto de não ser notado,
Faz com que ninguém o visse.
Simplesmente ignorado.
Como se não existisse.

zeninumi     24/10/2004

zeninumi
Enviado por zeninumi em 24/10/2007
Código do texto: T707363

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
zeninumi
Portugal, 58 anos
21 textos (606 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 08:04)
zeninumi