Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

L E M B R A N Ç A S

Oh amada doce flor !
Sai dia,
entra dia,
neste coração
transbordando d´amor,
e sempre uma esperança.
Quando vislumbro jardins
ventos sopram
melodiosos cânticos.

Flores
( cravos e rosas )
balançam
sob o azul dos céus.

Teu encanto
de criatura bela
ecoa - em minh´alma -
plangendo neste corpo
alegres momentos,
de paz.

Da lagoa encantada
se bem lembro !
Vejo braços abertos
a minha espera,
de lá me chegam
aos ouvidos,
sinais das nuvens e aves
que sobrevoam o lugar.
Deve cantar  ?
Não ! Não !
Choro,
por não estarmos lá.



Do Manuscrito: Segredos por uma rosa.
( lembro da lagoa do Fragata - Pelotas - Rio Grande do Sul - Década de 60, mais ou menos. )
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 25/10/2007
Código do texto: T709387
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (122288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 04:05)
tabayara sol e sul