Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O julgamento

Na consistência mais agravante
De minha mente
Onde a ferida está podre
E a filosofia ultrapassada
Dedico-me ao inexistente
Pois das coisas que existem
Perdi a fé
A esperança
De um alguém melhor
Ou um mundo diferente
Além daquilo que conheço
Além das multiplicidades de meus órgãos
Transparece uma doença transgênica
Algo que vem corroer meus ossos
Como praga na colheita
Sobra-me o espírito
Que ainda passará pelos antagônicos vestígios de Deus
Julgado culpado
Acabei!
Como a esperança de todos nós
Nos últimos dias que restaram
De minha consciência absurdamente barata...
gliard tavio
Enviado por gliard tavio em 27/10/2007
Código do texto: T712076

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
gliard tavio
São Paulo - São Paulo - Brasil, 34 anos
107 textos (3212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 15:00)
gliard tavio